terça-feira, 17 de abril de 2018

Viado metafórico.

Sempre toma no cu e nunca aprende.

Sempre existem aqueles homens que são patéticos, pensam que são os maiores conquistadores, acreditam que são maiores pegadores, em que muitas das vezes gostam de esculachar outros homens, dizendo que ele é um punheteiro e peg-ning. Essas bostas gostam de diminuir outros homens, porque possuem situação financeira melhor do que os outros, ou tem “sorte” com as mulheres. Os caras mais ridículos são aqueles que praticam PUA, aprendam técnicas de sedução para pegar mulher, mas o mais engraçado de tudo, aqueles que vendem esse curso, são homens de status e nunca pobre. Quero ver a técnica de PUA funcionar, quando falar para mulher que está desempregado ou trabalha em subemprego?

Viados metafóricos são aqueles homens que sempre tomam no cu, mas nunca aprende, sempre está se fudendo nas mãos das mulheres, mas mesmo assim, acreditam que são pegadores. Uma vez uma ex-namorada disse para mim: “Márcio, não existe homem pegador, ele só teve sorte de encontrar uma mulher que estava com vontade de dar a buceta. Depois que nos satisfazemos, mandamos tomar no cu!”. O homem que acredita que pegou a mulher pelo papo é um otário mesmo, porque a mulher escuta milhares de cantadas por dia, então elas sabem todos os tipos de cantada. A única diferença que ela vai escolher o homem é o seu status social.

O viado metafórico são aqueles que vivem em função das mulheres, sempre se dá mal com elas, passa por situações constrangedoras, humilhações, vergonhas, etc, ou seja, faz qualquer coisa por sexo, mesmo que desça toda a integridade humana. Sempre toma no cu, (metaforicamente falando) se for converter em piru de verdade, estaria mais rodado do que a Rita Cadilac, Bruna Surfestinha, Gretchen, etc.

Homens convencidos da sua beleza e status, normalmente são presas fáceis para essas mulheres, porque elas trabalham somente com o ego deles, dizendo que são fodões, pirocudo, tem ótimo desempenho sexual, tem pegada, etc, mas elas falam isso, não porque sente isso por ele, mas sim para dominá-lo.

Sempre está apanhado da vida, mas não aprende.
Os viados metafóricos normalmente são aqueles homens, que receberam muitos elogios na sua infância e adolescência, cresceu ouvindo das pessoas “Você é lindo!”, “Você é alto e gostoso!”, e assim por diante, então qualquer elogio que faz a ele, cai direitinho. Esses caras são tão escrotos, que ficam com ego elevado quando recebe qualquer elogio, por exemplo, quando uma mulher feia, velha, deficiente, viado, mendiga, diz para ele “Você é lindo!”, o ego dele vai a estratosfera. Até quando um viado diz para ele que é bonito, fica com o ego elevado. Se for para receber elogio, aceito de mulher bonita, e não de qualquer lixo.

Os manginas são os verdadeiros viados metafóricos, porque sempre estão tomando no cu, mas mesmo assim defende a putaria feminina, pois pensando que está defendendo as mulheres terão sexo com elas. Realmente as mulheres elogia o homem, mas isso acontece na forma de dominá-lo, colocar rédeas nele, induzindo o infeliz apaixonar por ela. Esses caras sempre vivem no circulo vicioso, nunca sai do lugar, sempre estão tomando no cu e nunca aprendam.

Na Real acontece a mesma coisa, existem aqueles que chamo “Os Giletes da Real”, ou “Os Guerreiros Bi”, são aqueles que conhecem a Real, mas mesmo assim acreditam que vão encontrar a mulher exceção. Modificaram a Filosofia da Real para adaptar a sua homossexualidade metafórica, que gosta sempre tomar no cu.

Mangina e o Giletes da Real é igual maconheiro e viado, não quer ser sozinho, sempre tem a necessidade de arrastar o outro com ele, pois não quer tomar no cu sozinho, quer também que os outros tomam junto com ele.

Esse é o resultado final do viado metafórico,
acaba na sarjeta!
Conheço um cara muito próximo, que conhece a Real concorda com tudo que nós falamos, sabe bem a realidade feminina, fez 4 filhos com 4 mulheres diferentes, já foi preso, por causa de pensão alimentícia, mas mesmo assim acredita na mulher exceção, defende as mulheres, esse sim é o típico de viado metafórico, que sempre gosta tomar no cu. Gosta de diminuir os outros homens dizendo que é pegador, que pega somente mulher top, mas já perdeu um emprego de 20 mil por mês, por causa de mulher. Não sei se esse cara é doente, gosta sempre se fuder nas mãos delas, mas uma característica comum entre todos viados metafóricos, que ele cresceu ouvindo que era lindo e gostoso.

Muitos homens tomaram no cu por causa das mulheres, mas aprenderam, mas aqueles que não aprenderam são verdadeiros viados metafóricos, sempre tomam no cu, e nunca aprendam, vivendo sempre para o dia do amanhã, que irá encontrar a sua amada e será feliz para sempre. Ficaram viciados em tomar no cu, que dão justificativas dizendo “Se não der certo com essa, tenta outra vez, até encontrar a pessoa certa!”, mas o infeliz está há décadas nessa busca e sempre toma no cu. Vira homem, para de tomar no cu, não seja viado metafórico, seja um Homem de Verdade!

Sejam Felizes e Superam Todas as Paixões!

Márcio de Andrade

10 comentários:

  1. Márcio, o senhor conhece o podcast "saco cheio"?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conheço, coloca o link, por favor!

      Obrigado

      Excluir
  2. http://www.arthurpetry.com/podcastgen/

    ResponderExcluir
  3. Olha essa notícia Márcio:
    https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2018/04/19/ex-mulheres-negam-que-r-carlos-sinta-saudade-dos-filhos-e-falam-em-descaso.htm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kkkk
      Esse é o futuro de quase todo "alfa"...

      Excluir
  4. O que você acha desse artigo:
    https://translate.googleusercontent.com/translate_c?depth=1&nv=1&rurl=translate.google.com.br&sp=nmt4&tl=pt-BR&u=https://illimitablemen.com/2015/02/08/machiavellian-thinking-vs-conventional-logic/&xid=17259,15700019,15700122,15700124,15700149,15700168,15700173,15700186,15700201&usg=ALkJrhhGzLUsMYvDzjQK6SxPKqsFHkpiNQ

    ResponderExcluir
  5. Márcio,

    O senhor relatou algumas ex que te largaram por ser pobre.

    Estou namorando uma garota que é pobre assim como eu, ambos temos curso superior, mas sou concursado funcionário público e ganho quase 4x mais do que ela. E tenho vontade de encontrar empregos melhores seja por concurso ou empresa privada.

    Já ela não tem vontade nenhuma de ganhar mais ou muito pouca e praticamente não se esforça pra isso. Tento incentivar para que faça concursos e ganhe mais mas ela vê como humilhação isso.

    Enfim, nunca terminarei com ela por isso. Pois a amo muito e quero ver ela tendo o próprio dinheiro e sendo feliz.
    Mas é injusto eu querer que ela melhore? E as vezes querer que ela tente algo além de suas capacidades?

    Se mim futuro eu tiver uma renda de 15 mil e ela de 2, seria justo um casamento sem comunhão de bens? Visto que se adquirirmos coisas juntos quem pagará quase tudo sou eu...

    Quero saber até onde querer o outro melhor nesse sentido é certo e até que ponto estou agindo com suas Ex loucas...

    Agradeço!

    Abraço, confrade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma situação muito complicado, na minha mentalidade e de agir, o dinheiro nunca deveria ser obstáculo no relacionamento, pois o casal deve estar acima disso, havendo cumplicidade entre os dois.

      Engraçado como a sociedade está muito materialista, quando um dos lados começa a ganhar mais dinheiro, o relacionamento acaba.

      Sei perfeitamente se fosse ao contrário, ela iria terminar com você, por isso que as pessoas sofrem.

      Se vocês dois estão felizes no relacionamento, então não deixe o dinheiro ser obstáculo nas suas vidas.

      Se ela não quer melhorar, não a obrigue, não toca mais no assunto, vive bem com ela, mas por motivos de segurança, não case e nem tenha filhos.

      Na verdade não tenho esse direito de falar para não casar e nem ter filhos, isso é uma decisão pessoal sua, mas não use os fatores financeiros para acabar o relacionamento, se a pessoa vale a pena.

      Um abraço!

      Excluir
    2. Desculpe me meter na conversa, mas o Márcio foi, como sempre muito assertivo. Nesse caso eu faria a seguinte conta (já que a grana está em questão): Ela ganha 2 mil e não quer ganhar mais, mas me apoia, acredita em mim e me faz ter vitalidade para ganhar cada vez mais? Se for isso confrade, compensa. Uma época da minha vida (espero que volte, pq hj eu tô na merda) eu ganhava uma média de 20 mil por mês e tinha uma namorada que me apoiava em tudo e que me avisava de todos os amigos que não eram de confiança e iam me ferrar. Eu nunca ouvia ela e a tratava como mais uma mulher. Ela ganhava pouco, mas me apoiava demais. Ao invés de dar valor, fiz o contrário, chifrei muito, andei muito com putas, e dei ouvidos aos "amigos" que ela dizia que me ferrariam. O resumo da história é que ela estava certíssima. Perdi tudo e fui vítima de uma rede de fofocas que me fechou as portas profissionais em um meio onde todos se conhecem. Terminei com fama de cheirador de pó, coisa que nunca fiz na minha vida. Mulher tem que ser investimento e não custo. Abçs aos Confrades.

      Excluir
  6. Minha noiva do nada me mostrou a foto de uma mulher da internet com o corpo quase perfeito, sendo minha noiva gordinha... E me perguntou quem tinha um corpo mais bonito e seios mais firmes, disse que a mulher da foto. Ela ficou com muita raiva, mas eu apenas a respondi...
    Agora esses dias ela num momento de raiva me disse: o Lucas ( ex) e muito mais bonito que você!
    Talvez seja mesmo, mas eu não a perguntei, então foi um comentário só pra agredir.
    O que devo fazer? Eu fui errado em ser sincero? Nunca mandaria pra ela uma foto de um modelo fitness ou algo do tipo e e perguntaria quem tem um corpo "melhor".

    ResponderExcluir